31 de Outubro: Dia da Reforma Protestante

23 outubro 2011

Enquanto o mundo comemora o Dia das Bruxas, os crentes fiéis a Jesus, fiéis aos seus princípios, valores e à memória dos heróis reformadores, comemoramos o DIA DA REFORMA PROTESTANTE.

Colhendo dados em Enciclopédias, apresentamos as seguintes informações para nosso conhecimento e análise.

I – O DIA DAS BRUXAS

Essa festa é fortemente comemorada nos Estados Unidos (Halloween) e chegou por lá nos meados do século XIX. Mas essa festa surgiu há mais de 2 mil anos, entre o povo Celta que acreditava que no último dia do verão (31/10) os espíritos saiam dos cemitérios para tomar posse dos corpos dos vivos. Para afugentar esses fantasmas, colocavam em suas casas objetos assustadores (caveiras, ossos decorados, abóboras enfeitadas, espantalhos etc).

Por ser uma festa pagã, foi condenada durante a Idade Média, passando a ser chamada de “festa das Bruxas” ou “Dia das Bruxas”. Aqueles que comemorassem essa festa eram condenados à morte na fogueira pela Inquisição.  Objetivando diminuir as influências pagãs na Europa medieval, a Igreja Católica resolveu “cristianizar” essa festa, contrapondo-a com a criação do Dia de Finados (02/11). Em 2005, o Governo brasileiro criou o Dia do Saci, exatamente em 31/10.

As crianças foram ensinadas pelos pais a participarem do “Halloween”, a fim de perpetuá-la. As crianças saem às ruas no dia 31/10 e dizem: doçura ou travessura. E ganham doces e chocolates. No Brasil tem também o dia de “Cosme e Damião” (27/09), comemorado pelo candomblé, quando as crianças recebem doces.

II- O DIA DA REFORMA PROTESTANTE

No dia 31 de Outubro de 1517, Martinho Lutero fixou as suas 95 Teses na porta da Igreja do Castelo de Wittenberg, Alemanha. Tinha início o grande movimento chamado de A Reforma Protestante. Lutero protestava contra a venda de indulgências pela Igreja Católica. Era a venda da salvação que trazia muito ouro aos cofres da igreja. Usavam inclusive uma frase de marketing que dizia mais ou menos o seguinte: “Quando as suas moedas tilintarem nos cofres da igreja, a sua alma terá saído do purgatório para o céu”. Esse dinheiro era usado para a construção da Basílica de São Pedro em Roma.

As 95 Teses de Lutero questionavam diversas doutrinas católicas e colocavam em cheque todo o poderio do catolicismo. Os princípios fundamentais da Reforma são conhecidos como os “Cinco Solas”: 1- Só Cristo é o Senhor; 2- Só a Escritura como única regra de fé e prática; 3- Só a Graça de Jesus; 4- Só a Fé em Cristo; 5- Só a Deus a glória! Um ponto alto da Reforma Protestante foi a defesa do “Sacerdócio do Crente” (I Pedro 2:9), ensinado e praticado com grande ênfase pelas igrejas em células.

O resultado da Reforma Protestante foi o surgimento das chamadas igrejas protestantes. Em nossos dias, temos as Igrejas em Células que são chamadas de uma Segunda Reforma e certamente teremos outras Reformas até a volta de Jesus!

CONCLUSÃO: Jesus disse: “E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará” (João 8:32). Portanto, nada de “bruxaria, fantasmas, caveiras, espantalhos, doces consagrados etc. Agora que conhecemos a verdade, convidamos você a celebrar Jesus e dar a Ele e só a Ele a Glória que lhe é devida. Renda-se a Jesus e Ele promoverá a maior reforma e transformação na sua vida. Receba-O como Seu Senhor e Salvador! Feliz dia da Reforma!

Lição de Célula Nº 516 – 24 a 30/10/2011 – Aps. Wagner & Eunice.