Seguir a JESUS, Um Grande Desafio!

Lucas 9:57-62

Temos visto os princípios cristãos, seus valores e ensinamentos sendo resistidos publicamente e ameaçados pelos poderes constituídos em nossa sociedade. Esses princípios também são alvos de campanhas nacionais com a pretensão de exterminá-los. Vemos os seguidores de Jesus, Seus discípulos, sendo perseguidos de várias formas e em alguns países, são até assassinados. Seguir a Jesus é sem dúvida alguma um desafio que exige coragem, fé e determinação. Você tem coragem de seguir a Jesus, de viver e defender Seus ensinamentos e princípios?

Encontramos nesse texto a situação de alguns que demonstraram interesse em seguir a Jesus, mas que encontraram dificuldades.

I – SEGUIR A JESUS COLOCANDO EM RISCO O CONFORTO DO LAR

Eu te seguirei por onde quer que fores, disse um pretendente ao discipulado, um apaixonado por Jesus. Mas recebe de Jesus um alerta e esclarecimento acerca do grande desafio que é segui-Lo: “As raposas tem seus covis e as aves do céu, ninhos…” (Lucas 9:57-58). E agora, estaria esse apaixonado por Jesus disposto a colocar em risco a sua segurança e conforto que a vida lhe oferecia para seguir a Jesus? Teria ele fé o suficiente para abrir mão do seu “ninho, da sua habitação, da sua segurança” para seguir a Jesus? Como o texto não nos dá a resposta, muito provavelmente ele desistiu da sua precipitada declaração.

Seguir a Jesus tem suas implicações, exigências e até sacrifícios, isso não apenas naqueles primeiros anos do cristianismo, como também nos dias atuais. Você estaria disposto a abraçar esse desafio de seguir a Jesus?

II- SEGUIR A JESUS COLOCANDO-O COMO PRIORIDADE NA VIDA

Outro candidato ao discipulado cristão recebeu de Jesus o convite, o desafio direto: Segue-me! Diante desse chamado, aquele homem apresentou uma desculpa razoável, como que estivesse interessado mesmo em aceitar esse convite, esse desafio, mas que tinha um certo impedimento. Ele alega precisar de um tempo para “sepultar seu pai”. Era como se ele dissesse que queria sim seguir a Jesus, mas não exatamente naquele momento. Para Jesus, isso funcionou como um “não” ou quem sabe um “não agora”. Quando Jesus convida, a resposta deve ser imediata e é “sim ou não”.

A resposta desse convidado de Jesus foi que ele desejava “ir primeiro” ver as suas necessidades (Lucas 9:59). Para Jesus, Ele tem que vir primeiro. Você está disposto a colocar Jesus em primeiro lugar na sua vida?

III- SEGUIR A JESUS COLOCANDO-O ACIMA DOS LAÇOS FAMILIARES

Mais um pretendente ao discipulado cristão que acaba sendo desclassificado, sendo considerado inapto para o Reino de Deus. Esse não daria para seguir a Jesus, pois já estava declarando qual era a sua prioridade, o seu cuidado maior e atenção. E sendo assim, correria o risco de se desviar, de perder o foco, de abandonar a sua vocação e chamado. Esse homem correria o risco de perder todo o plantio, lançando mão do arado, mas sem a visão correta dos campos que já estão brancos para a ceifa. Era como se ele estivesse disposto a seguir a Jesus, desde que isso não comprometesse seus laços familiares.

Muitos são os que “colocaram a mão no arado”, mas tem olhado para trás, deixaram de seguir a Jesus por questões e impedimentos familiares. Convidamos você a “lançar mão do arado” e seguir a Jesus!

CONCLUSÃO: Esses três homens anônimos se parecem com tantos outros em nossos dias que até gostariam de seguir a Jesus, até acreditam em Jesus e rogam Suas bênçãos, mas não estão dispostos a colocá-Lo em primeiro lugar em suas vidas. Muitos desses alegam ser ocupados demais para poderem seguir a Jesus.

O que o impede de abraçar o desafio de seguir a Jesus?

Lição de Célula No 501 – 11 a 17/07/2011 – Aps. Wagner & Eunice.